Sempre quando vai a um restaurante fica em dúvida sobre qual ponto da carne escolher? E quando recebe amigos, não sabe a maneira correta de cozinhar a carne para agradar a cada convidado? Seus problemas estão resolvidos!

Nós da Cook & Beyond elaboramos este post, com os 6 tipos de ponto da carne, para que você cozinhe tranquilamente, para qualquer paladar. Confira:

DICA: Para que o ponto da carne seja perfeito, o mais importante passo e que vale para todos os tipos abaixo citados, é a maneira como executado.

Após colocar a carne na frigideira ou grelha, você não deve ficar mexendo na peça. A carne deve ficar imóvel até a hora de virar. Se mexer demais irá cozinhar ao invés de grelhar, o ponto não será atingido e o resultado final será um pedaço seco e sem sabor de carne.

Os tempos abaixo levam em consideração uma peça com no máximo 3 cm de espessura. Para pedaços maiores é necessária a variação do tempo

1- Carne Selada:

Este tipo de carne não é usualmente ingerido neste estado. O ponto da carne selada é utilizado em preparações, aonde antes de ir para o forno, por exemplo, a peça precisa de selamento. Assim se conserva todo o sabor e a umidade natural dentro da carne.

O ideal é fazer em uma frigideira bem quente, com azeite ou óleo, e o mais importante, é preciso ser rápido! Em poucos segundos a carne já cria uma película protetora, uma crosta caramelizada, que auxilia o suco a permanecer dentro dela.

1 minuto de cada lado da peça já é o suficiente para este processo, caso deixe mais a carne acaba cozinhando, e fica mais difícil obter o ponto desejado no final da preparação!

2- Carne Mal Passada

A carne mal passada é um dos pontos mais pedidos em restaurantes, e o preferido da maioria das pessoas. A carne terá uma pequena crosta cozida em seu entorno, mas no meio ainda estará morna e bem avermelhada.

A peça deve ficar em média 2 minutos grelhando na frigideira de cada um dos lados. Se tiver um termômetro em casa e quiser usar, o interior deste corte deve ter entre 60 e 65°C.

 

3- Carne ao Ponto para Mal Passada

Se desejar a carne ainda um pouco mal passada, mas com a temperatura um pouco mais quente e menos vermelhidão, o certo a pedir é a carne ao ponto para mal passada. Fica na frigideira o mesmo tempo que a mal passada, mas antes de servir fica mais 2 minutos em fogo baixo.

 

4- Carne ao Ponto

Esta carne fica na frigideira de em média 3, em fogo alto, e depois diminua a intensidade do fogo e deixe-a por mais 3 minutos na grelha. Ficará assim com 65 a 70°C.

5- Carne ao Ponto para Bem passada

A carne ao ponto para bem passada já não apresenta tanta cor vermelha, mas ainda permanece com seus sucos e umidade natural preservada.

Para chegar a esse ponto, a carne necessita ser grelhada a por 4 minutos de cada lado, e ainda ficar mais um pouquinho. Seu interior irá ter 75°C

6- Carne Bem Passada

A carne bem passada já não apresenta vermelhidão. Existe uma crosta ao redor e ainda deve conter umidade, caso contrário passou muito do ponto e já não estará mais saborosa.

Os 6 pontos da carne
Foto: Os 6 pontos da carne

DICA: Se não conseguir cozinhar com um cronômetro ou não consegue marcar o tempo correto, existe uma opção: a famosa utilização dos dedos!

Para saber se o ponto da carne esta mal passada, você junta o dedo indicador ao polegar, somente tocando um dedo no outro, sem exercer pressão. A textura da mão deve ser a mesma da carne.

Juntando o polegar e o dedo médio você pode sentir como deve ser o ponto da carne que já está ao ponto. O polegar e o anelar dão a textura da carne ao ponto para bem passada. Quando se junta o polegar e o dedo mínimo a rigidez será maior, e a carne estará bem passada.

Pontos da carne na mão
Foto: Pontos da carne na mão

Utilizando a frigideira ou grelha correta:

Se você ainda não tem uma boa frigideira ou grelha para carnes, nós da Cook & Beyond sabemos exatamente o que lhe indicar, pois todos os produtos que escolhemos passam por uma rígida seleção antes de podermos colocá-los a sua disposição.

Frigideiras e grelhas da marca SILIT: tem tecnologia alemã, e são fabricadas em silargan, material super-resistente, e de alta qualidade, que suporta altas temperaturas sem soltar resíduos nos alimentos. São antiaderentes e fáceis de limpar.

Frigideiras e grelhas da marca STAUB: qualidade francesa ao alcance de suas mãos. Estas frigideiras são fabricadas em ferro fundido, e por isso aquecem gradualmente, deixando suas carnes muito mais saborosas.

Agora que você já entende dos pontos da carne e já sabe quais as frigideiras perfeitas para atingi-los, arrisque-se. Vá para cozinha e prepare maravilhosos assados e grelhados para você e sua família.

Esperamos que tenha gostado deste post. Se você tiver mais alguma dúvida nos envie um comentário ou um e-mail, ficaremos felizes em compartilhar nosso conhecimento. Se você já tem uma frigideira Silit ou Staub em casa, nos envie uma foto ou um relato de sua experiência com elas.

Não se esqueça de assinar nossa newsletter e nos seguir nas redes sociais. Todos os nossos contatos estão no rodapé do Blog.

 

facebookgoogle_pluspinterestmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *