1º A escolha da carne:

Escolha uma carne de boa qualidade, pois ela será responsável pela maior parte do sabor do seu maravilhoso Bife Wellington. Certifique-se de dar preferência aos cortes magros e nobres, o ideal é uma boa peça de Filé Mignon.

2º Selando:

Antes de enrolar a carne sele-a muito bem, mas rapidamente, sem deixar que a carne cozinhe, em frigideira quente, com um pouco de óleo ou azeite, para que fique perfeitamente caramelizada, e todos os sumos permaneçam dentro da peça, deixando assim o filé saboroso e molhadinho.

3º Para temperar:

Assim que terminar de selar a carne, coloque-a num prato, e pincele uma leve camada de Mostarda Inglesa em toda extensão, pois com a temperatura elevada o sabor irá penetrar no file, deixando o Bife Wellington com um sabor diferenciado.

4º Atenção ao preparar os cogumelos:

Refogue os cogumelos na mesma panela onde a carne foi selada, sem lavá-la. Assim todos os sabores liberados na hora do selamento do filé se concentrarão para dar um sabor especial aos cogumelos, de preferência use os do tipo Paris.

5º Na hora da montagem:

O Bife Wellington necessita de tempo, o ideal é enrolar o file antes, para que a crosta de cogumelos não se desmanche na hora de colocar a massa. Com a ajuda de um plástico filme PVC , faça uma espécie de rocambole,  com os cogumelos  e o presunto de Parma, envolvendo toda a carne. Aperte bem e deixe pelo menos 30 minutos  na geladeira, assim quando for cobrir com a massa estará mais sólido e fácil de moldar.

DICA: Para que a carne não fique sangrenta descanse o Bife Wellington de 8 a 10 minutos antes de cortar, e então é só saborear!

 

 

 

 

facebookgoogle_pluspinterestmail

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *